Marketing Digital para nichos: consolide sua expertise

Marketing Digital para nichos: consolide sua expertise
Por Equipe Exact  |   03 de Novembro de 2017
Voltar

A segmentação é uma das melhores estratégias para um pequeno negócio se destacar no mercado. Porém, não adianta encontrar um público específico. É necessário investir em meios para tornar a marca conhecida. Isso é possível com o marketing de nicho.


Tempo de leitura: 7 minutos.

Você vai ler sobre:

  • Vantagens do marketing de nicho
  • Planejamento de Marketing

*Artigo produzido pela equipe de conteúdo da Orgânica Digital


Não se trata apenas de propaganda, o objetivo é adquirir cada vez mais experiência em um assunto que poucas pessoas dominem. Dessa forma, a empresa se transforma em referência na área, conquista credibilidade e fideliza clientes.

Pode até parecer ambicioso, mas, com as ferramentas certas, é possível. Continue a leitura e saiba como utilizar o Marketing Digital para alavancar as vendas e elevar a reputação do seu empreendimento.

Por que a segmentação é vantajosa?

A economia mundial tem estabelecido dois cenários, nas últimas décadas. De um lado, estão os gigantes conglomerados da indústria e do comércio. Na outra ponta, os micro e pequenos empresários tentam conquistar seu espaço.

A vantagem das companhias maiores é o volume de produção – e, consequentemente, de vendas. A quantidade ampla de mercadoria permite que se trabalhe com valores finais menores. O lucro continua garantido, já que se atinge um público maior.

Como não conseguem brigar pelo preço do produto ou do serviço, as lojas de bairro e os profissionais autônomos têm que se diferenciar. É aí que entra a importância de identificar nichos de mercado.

Um público-alvo segmentado tem demandas próprias, que nem sempre são supridas pelas marcas genéricas. Oferecer um atendimento personalizado e de qualidade ajuda a fidelizar essa parcela de consumidores. Sem concorrência direta, ainda é possível praticar valores mais altos e garantir o fôlego financeiro das operações.

Os pequenos negócios podem tirar proveito da proximidade com o cliente, também. Quanto mais se conhece uma categoria do mercado, mais fácil é entender as necessidades de compra e as brechas deixadas pelas grandes redes.

No comércio local, isso pode ser feito durante uma conversa no balcão da loja, ou mesmo observando-se o giro de estoque. Os recursos digitais, contudo, facilitam ainda mais essa tarefa. É possível gerar leads e conquistá-los com pouco esforço.

Vantagens do marketing de nicho

Estratégias de marketing de nicho funcionam a partir dessa mesma premissa de segmentação. Deve-se buscar uma audiência com características particulares, entender os anseios dessas pessoas e dedicar-se a solucioná-los.

Um exemplo. Digamos que você esteja pensando em abrir um comércio de instrumentos musicais. Para não ser apenas mais um na multidão, tem de encontrar um público fiel, disposto a investir na qualidade dos equipamentos.

Pense nas bandas de rock. Esse estilo, muitas vezes, é marcado pela sonoridade agressiva e acelerada. Os músicos precisam de cordas resistentes para suas guitarras e de pedais de distorção, que causam o impacto esperado para as canções.

Como a indústria fonográfica brasileira é dominada pelo sertanejo, os roqueiros talvez tenham dificuldade para encontrar esses materiais. No entanto, um e-commerce focado na categoria pode ser a solução.

Imagine só. Mesmo que sua cidade tenha poucas bandas, o número de interessados nesse tipo de serviço, no cenário nacional, pode ser significativo. Chegar até eles fica mais simples com ferramentas de Marketing Digital. Acompanhe as vantagens:

Redução de custos

O Google Adwords é um dos principais serviços utilizados para divulgar links patrocinados. Ele funciona seguindo a lógica do custo por clique (CPC): cada vez que um usuário clica no anúncio, paga-se uma taxa.

Se a propaganda for direcionada a um nicho, haverá menos tráfego, o que também significa menos gasto com divulgação online. Mas o alcance reduzido não chega a ser um problema. Pelo contrário.

Diferencial competitivo

Quem se especializa leva uma clara vantagem em relação à concorrência: explorar as lacunas deixadas pelas empresas generalistas.

Tele-entrega de pizza se encontra em qualquer cidade. Tele-entrega de pizza vegana é algo mais raro. Os restaurantes podem até incluir uma opção vegetariana no cardápio, mas dificilmente terão uma cartela inteira de sabores a escolher.

Embora esse grupo de indivíduos seja restrito, é exigente. Caso encontre um bom lugar para comer pizza, o vegano valorizará esse diferencial e retornará ao estabelecimento com frequência. O empresário consegue até praticar uma margem de preço mais alta, de acordo com a velha dinâmica de oferta e procura.

Fidelização da clientela

Menos concorrência também significa uma base de clientes mais sólida, pois o

público não se divide entre tantas marcas. Além disso, a qualidade do serviço fomenta o consagrado boca a boca.

Representantes de um nicho, como os roqueiros e os veganos, costumam conviver com seus semelhantes. Os consumidores que gostarem do produto tenderão a indicá-lo aos amigos. Se a empresa mantiver uma página atrativa no Facebook ou um perfil bacana no Instagram, então, espalhar a novidade será supersimples.

Adaptação à realidade do mercado

O foco no público-alvo faz com que se perca menos tempo tentando agradar segmentos diferentes. Dessa forma, as críticas e as sugestões dos clientes que realmente importam são um feedback poderoso. Dá para atendê-las com rapidez e, assim, manter-se como referência entre a comunidade.

Ainda, pode-se perceber com precisão o poder de compra da população de um nicho de mercado. O planejamento de marketing se adapta a essa realidade. Pode-se prever o orçamento de cada campanha e projetar prazos para o retorno do investimento.

Como planejar uma estratégia de marketing de nicho

A escolha das ferramentas certas para seu negócio segue os preceitos do Inbound Marketing. Em linhas gerais, trata-se de atrair clientes em potencial, fornecer conteúdo relevante para esse público e conquistá-lo a ponto de efetuar vendas.

Confira alguns passos básicos:

1. Elabore personas

As buyer personas são personagens que resumem as características do cliente ideal. Apesar de fictícias, são elaboradas com base em informações reais. Dados como idade, profissão, gostos e hábitos dos sujeitos ajudam a compor um perfil médio do público que se quer atingir.

Esse recurso auxilia a encontrar a linguagem correta e os canais de comunicação mais efetivos para a marca. Com isso, as chances de retorno são maiores.

Voltando ao exemplo da pizzaria vegana, você pode frequentar grupos online sobre veganismo e observar quem são as pessoas que mais interagem por lá. Uma pesquisa de mercado, com questionários aplicados pela internet, também pode revelar outras pistas para definir as personas.

2. Demonstre credibilidade

A intenção do marketing de nicho é mostrar expertise no assunto. Como os grupos de consumidores têm interesses bem delimitados, procuram referências qualificadas.

Por exemplo, o músico de rock provavelmente não lê as resenhas de shows publicadas nos grandes jornais. Ele buscará revistas e portais especializados nesse gênero musical. As gírias e o repertório cultural do repórter setorista transmitem conhecimento de causa, o que proporciona maior credibilidade ao veículo.

O mesmo acontece com as empresas de bens e serviços. Deve-se mostrar familiaridade com a área trabalhada. Conhecendo a fundo o próprio setor, a marca vai construindo uma boa reputação ao longo do tempo.

3. Informe o usuário

O conteúdo é um elemento importantíssimo do Inbound Marketing. Num primeiro momento, o objetivo é gerar e nutrir leads, a clientela em potencial. São os indivíduos que se encaixam no público-alvo, mas ainda não se tornaram clientes.

Uma abordagem incisiva, focada exclusivamente em promoção e vendas, pode afastar boa parte da audiência. Uma alternativa mais eficiente é fornecer informações relevantes para seu segmento.

Um blog corporativo costuma ser o ponto inicial. A pizzaria vegana pode falar de alimentação saudável e dar receitas para o dia a dia. A loja de instrumentos para músicos de rock pode publicar resenhas de álbuns e atualizar uma agenda de shows das principais bandas. De novo: a ideia é transmitir expertise no ramo.

E-mail marketing e eBooks são outros recursos bastante produtivos. Quanto mais interesse o usuário manifestar, maior a oportunidade para conversão. Uma forma de qualificar os leads é observar métricas como o número de curtidas e de comentários nas redes sociais da companhia.

4. Utilize palavras-chave

Técnicas de Search Engine Optimization (SEO) colaboram para ranquear uma página nos buscadores, como o Google. Quem aparece entre os primeiros resultados tem muito mais visibilidade.

Existem sites que analisam o histórico de pesquisas e definem listas de palavras-chave populares. São termos procurados pelas pessoas e que, portanto, devem aparecer ao longo do texto.

Palavras-chave bem utilizadas funcionam tanto em campanhas de links patrocinados quanto em buscas orgânicas. A segmentação serve para atingir alvos bem específicos.

5. Identifique influenciadores

Sempre há alguma figura que se destaque entre um público de nicho. Pode ser um blogueiro, um Youtuber ou mesmo o moderador de algum grupo no Whatsapp. A opinião desses influenciadores tem um alto poder de persuasão.

Parcerias com esses digital influencers podem surtir um efeito excelente. O investimento talvez seja um pouco mais alto, mas compensa pela divulgação do seu serviço a centenas de seguidores qualificados. Desse modo, o nome do seu empreendimento fica conhecido entre a comunidade e a reputação sobe.

Entendeu como a expertise é necessária para a segmentação do seu negócio? Agora que você já conhece as vantagens do marketing de nicho, explore as diferentes áreas do mercado e veja onde você pode inovar. Não se esqueça de investir num bom planejamento estratégico e em canais de comunicação que dialoguem com o público.

Se você curtiu as dicas de hoje, aproveite ainda para conferir outras novidades sobre Marketing Digital no blog da Orgânica.

Equipe Exact



Compartilhe



Você pode também se interessar por: